PROCESSO DE FABRICAÇÃO DO PLÁSTICO

Template

Para que a Compalst possa produzir e disponibilizar os melhores produtos com a utilização do plástico, é importante que este produto, passe por alguns processos que possuem extrema importância, até que cheguem ao formato que conhecemos e necessitamos.

Hoje vamos apresentar quais são os principais processos de fabricação do plástico, para que você adquira maior conhecimento sobre este material, e saiba como utilizar da melhor forma quando receber em sua casa.

O termo plástico tem a sua origem no grego plastikos e significa “moldável”. Este material é muito utilizado, uma vez que é considerado um item sintético, produzido a partir de polímeros orgânicos, facilmente encontrados e moldados devido à sua versatilidade em algumas situações específicas, como por exemplo, temperatura e pressão. No momento em que são aquecidos as ligações polímeras chegam a se tornar mais fracas e o polímero pode assim ser moldado, dando a liberdade necessária para que os produtores utilizem da forma como desejarem, produzindo os mais variados produtos para o consumo da sociedade.

 

Processos de fabricação do plástico

A produção do plástico inicia tem o seu início através da destilação em uma refinaria, com um processo que envolve a fragmentação do crude em corpos menores, de forma que consiga constituir uma mistura de cadeias de hidrocarbonetos. Com este processo inicial é identificado um elemento que possui grande importância para a produção do plástico, sendo esta a nafta.

Existem dois processos que são os mais importantes para que seja possível proporcionar a fabricação do plástico de forma eficaz, sendo estes a polimerização e a policondensação.  Cada polímero terá a sua propriedade, assim como estruturas e tamanhos que são necessários para auxiliar na fabricação deste produto.

Um processo de fabricação de plástico pode ser identificada e simplificada da seguinte forma:

  1. Preparar a matéria-prima e
  2. Realizar os processos de polimerização
  3. Processar os polímeros em resinas de polímero finais
  4. Fabricar produtos com o acabamento necessário.

 

Classificação dos plásticos

Os plásticos são subprodutos da indústria do petróleo, sendo derivados do óleo e da extração de matérias-primas durante o processo de refinamento do petróleo bruto e até mesmo do gás natural.

Existem duas classificações que são as mais utilizadas para denominar este produto. Confira as principais:

  • Termoendurecíveis: são aqueles que recebem a forma de produtos rígidos, através da ação do calor e de reações químicas, que são utilizadas para moldar novamente este componente.
  • Termoplásticos: podem amolecer quando são aquecidos mas, quando endurecidos novamente chegam a arrefecer, de modo que é possível moldar estes produtos diversas vezes. Este processo é um dos mais utilizados para a fabricação de plástico, e podemos perceber isso de forma facilitada uma vez que mais de 80% dos produtos de plásticos, são fabricados a partir deste processo.

A fabricação do plástico ocorre sempre em fábricas grandes onde os materiais de plástico são moldados em estruturas utilizáveis. Para chegar a atividade final, são realizados vários processos importantes e necessários para obter como resultado um produto de qualidade, que possa ser distribuído para os mais variados lugares, onde  este produto continuará a ser utilizado.

São vários so ambientes onde pode ser identificada de forma muito fácil a utilização do plástico, como por exemplo o artesanato, brinquedos, construção civil, decoração e desing, podendo contar ainda com as indústrias agrícola, alimentar, automotiva, farmacêutica e têxtil.

Para que você possa adquirir um produto de alta qualidade fabricado em plástico, entre em contato coma Complast, melhor comércio de plásticos em Curitiba. Acesse o site e confira os melhores produtos de plástico para personalizar com a logomarca da sua empesa.

Comércio de plásticos em Curitiba

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>